O que é Gastropexia Preventiva em Pets?

O que é Gastropexia Preventiva em Pets?

A gastropexia preventiva é um procedimento cirúrgico realizado em pets, especialmente em cães de raças grandes e gigantes, com o objetivo de prevenir a torção gástrica, também conhecida como dilatação vólvulo gástrica. Essa condição é considerada uma emergência médica e pode ser fatal se não for tratada rapidamente. A gastropexia preventiva é uma medida preventiva que fixa o estômago do animal na parede abdominal, impedindo que ele se mova e torça.

Por que a Gastropexia Preventiva é Necessária?

A torção gástrica é uma condição grave que ocorre quando o estômago do animal se torce sobre si mesmo, bloqueando a passagem de alimentos e gases. Isso pode levar à distensão do estômago, compressão de órgãos adjacentes e comprometimento da circulação sanguínea. Os sintomas incluem inchaço abdominal, dificuldade respiratória, vômitos, salivação excessiva e fraqueza. A torção gástrica é uma emergência médica que requer intervenção cirúrgica imediata. A gastropexia preventiva é uma forma de prevenir essa condição e garantir a saúde e bem-estar do animal.

Quais são os Benefícios da Gastropexia Preventiva?

A gastropexia preventiva oferece uma série de benefícios para os pets, especialmente para cães de raças grandes e gigantes que são mais propensos a desenvolver a torção gástrica. Alguns dos principais benefícios incluem:

– Prevenção da torção gástrica: A gastropexia fixa o estômago do animal na parede abdominal, impedindo que ele se mova e torça, prevenindo assim a torção gástrica.

– Redução do risco de complicações: A torção gástrica pode levar a complicações graves, como necrose de órgãos e choque séptico. A gastropexia preventiva reduz o risco dessas complicações, garantindo uma recuperação mais rápida e segura para o animal.

– Melhora na qualidade de vida: Ao prevenir a torção gástrica, a gastropexia permite que o animal tenha uma vida mais saudável e ativa, sem o risco de desenvolver essa condição grave.

Como é Realizada a Gastropexia Preventiva?

A gastropexia preventiva é realizada por meio de uma cirurgia abdominal. O procedimento pode ser feito de forma aberta, com uma incisão na parede abdominal, ou por laparoscopia, utilizando pequenas incisões e um instrumento chamado laparoscópio. Durante a cirurgia, o estômago é fixado na parede abdominal por meio de pontos ou grampos cirúrgicos. O veterinário avaliará o melhor método a ser utilizado, levando em consideração o tamanho e condição do animal.

Quando a Gastropexia Preventiva Deve ser Realizada?

A gastropexia preventiva pode ser realizada em cães de raças grandes e gigantes a partir dos seis meses de idade, quando o animal já atingiu a maturidade esquelética. É importante discutir com o veterinário a melhor idade para realizar o procedimento, levando em consideração fatores como raça, histórico familiar e predisposição genética.

Quais são os Cuidados Pós-Operatórios?

Após a gastropexia preventiva, é importante seguir as orientações do veterinário para garantir uma recuperação tranquila e sem complicações para o animal. Alguns cuidados pós-operatórios comuns incluem:

– Administração de medicamentos prescritos pelo veterinário, como analgésicos e antibióticos;

– Restrição de atividades físicas intensas por um período determinado;

– Alimentação adequada, com ração de qualidade e em pequenas porções;

– Monitoramento dos pontos cirúrgicos e sinais de infecção;

– Retorno ao veterinário para avaliação e remoção dos pontos, se necessário.

Quais são os Riscos da Gastropexia Preventiva?

A gastropexia preventiva é considerada um procedimento seguro, mas como qualquer cirurgia, existem riscos envolvidos. Alguns dos possíveis riscos incluem:

– Reação à anestesia: Alguns animais podem apresentar reações adversas à anestesia, como vômitos, dificuldade respiratória ou queda na pressão arterial. O veterinário tomará todas as precauções necessárias para minimizar esses riscos.

– Infecção: Existe o risco de infecção no local da incisão ou nos pontos cirúrgicos. É importante seguir as orientações do veterinário para prevenir infecções e monitorar qualquer sinal de inflamação ou secreção anormal.

– Complicações durante a cirurgia: Embora seja raro, podem ocorrer complicações durante a cirurgia, como sangramento excessivo ou lesões em órgãos adjacentes. O veterinário está preparado para lidar com essas situações e tomar as medidas necessárias para garantir a segurança do animal.

Conclusão

A gastropexia preventiva é um procedimento cirúrgico importante para prevenir a torção gástrica em pets, especialmente em cães de raças grandes e gigantes. Essa condição é considerada uma emergência médica e pode ser fatal se não for tratada rapidamente. A gastropexia fixa o estômago do animal na parede abdominal, impedindo que ele se mova e torça, prevenindo assim a torção gástrica. É importante discutir com o veterinário a melhor idade para realizar o procedimento e seguir todas as orientações pós-operatórias para garantir uma recuperação tranquila e segura para o animal.

en_USEnglish